“... Sob a Tua Palavra lançarei as redes" (Lc 5.5b)


'O Teu caminho, ó Deus, é de santidade.

Que Deus é tão grande como o nosso Deus?

Tu és o Deus que opera maravilhas e, entre os povos, tens feito notório o teu poder" (Sl 77.13-14)


segunda-feira, 23 de outubro de 2017

"Como eram as mulheres da SAF (safiras) do primeiro século?"

Esta mensagem eu ministrei para as 'safiras' (do arábico - ياقوت أزرق , safir, "pedra preciosa") da Federação da SAF (Sociedade Auxiliadora Femina) da Igreja Presbiteriana do Brasil, em Uberlândia (MG).


"Como eram as mulheres cristãs do primeiro século?"


"Aconteceu, depois disto, que andava Jesus de cidade em cidade e de aldeia em aldeia, pregando e anunciando o evangelho do reino de Deus, e os doze iam com ele,
e também algumas mulheres que haviam sido curadas de espíritos malignos e de enfermidades: Maria, chamada Madalena, da qual saíram sete demônios;
e Joana, mulher de Cuza, procurador de Herodes, Suzana e muitas outras, as quais lhe prestavam assistência com os seus bens" (Lucas 8:1-3)

      Mulheres de diferentes origens, cultura, posição social encontravam em Jesus Cristo alguém que se importava verdadeiramente com elas. Perto de Jesus, elas se sentiam honradas, curadas, valorizadas e recebiam uma Palavra de esperança, de vida eterna.

      O que eu aprendo com as mulheres cristãs do primeiro século?
1. Generosidade, coração acolhedor:
      Elas assistiam Jesus com os seus bens (Lc 8.3), acolhiam os apóstolos em suas casas (At 16.14).
      Paulo, já idoso, saúda Rufo e sua mãe e declara que ela 'também tem sido uma mãe para mim' (Rm 16.13). Fico maravilhada ao pensar no privilégio desta mulher em receber esta mensagem deste grande apóstolo.
      Quantas pessoas carentes passam por nós e perdemos oportunidade de abençoar? O apóstolo Paulo, incansável trabalhador na Seara de Deus, com profunda intimidade com Ele, sentiu-se abençoado com a mãe de Rufo.
      Uma amiga tem um neto que se desviou dos caminhos do Senhor, indo pras drogas, afastando-se de Deus. Muitos oravam por ele. Certo domingo à noite, este rapaz. muito angustiado, decidiu ir à igreja e falar com o pastor. Entretanto, o pastor anunciou uma reunião com os presbíteros após o culto. Com o coração amargo, este jovem reclamou com Deus. Entretanto, ao se levantar pra sair, uma senhora já idosa, puxou seu braço, começou a conversar com ele, falou exatamente o que ele precisava ouvir e orou com ele. Saiu da igreja emocionado, com a certeza de que Deus não tinha desistido dele.
      Tenho aprendido que tudo que tenho, eu recebi de Deus para repartir: o amor, perdão, graça, tempo, consolo, bens, Palavra:
"É ele que nos conforta em toda a nossa tribulação, para podermos consolar os que estiverem em qualquer angústia, com a consolação com que nós mesmos somos contemplados por Deus" (2 Co 1.4).
      
2. Disposição, sede de ouvir a Palavra (At 16.14)

3. Perseverar sempre, mesmo nas possíveis derrotas.
      A nata, o grupo de elite, Madalena, Maria e Salomé (Mc 16.1), que perseveraram até o final protagonizaram, fizeram parte da primeira anunciação da ressurreição de Jesus (João 20.1-18)
      Temos perseverado, mesmo nas lutas ou temos ficado no sofá coçando  feridas, azedando e reclamando da vida? Nisto temos perdido grandes milagres, grandes oportunidades?

4. Quem serve ao Deus vivo, não regula, não contabiliza
      'Ah, já fiz muito, agora chega de levar pedradas... deixa pra outra. Vou me aposentar'.
      Ledo engano... na Seara de Deus não há aposentadoria.
      Tem levado pedradas? Que bom! Sua árvore tem frutos!!! Árvore sem frutos não leva pedradas. E outra... não estou aqui pra agradar a homens. Devo buscar agradar a Deus e na obra sempre haverá portas abertas e junto com elas, adversários (1 Co 16.9). Mas não estamos sós e a batalha não é nossa! ALELUIA!

5. Não posso deixar a dor me cegar, me paralisar (João 20.11-16)
      Maria Malalena chora e resmunga diante do túmulo vazio, ao lado de anjos e de Jesus Cristo Ressurreto: "Aonde está o meu Jesus?"
      Mas seus olhos são abertos: Deus está vivo, e jamais nos abandona!
      Que a minha fé em Deus me faça ver, me entusiasmar em todo tempo.

6. Quem busca, acha e desfruta de milagres, de experiências extraordinárias (Jo 20.17-18).
        "Vi o Senhor!" Jesus está vivo! Ele falou comigo, me deu a missão de anunciar a Sua ressurreição! 
       Deus que muda a nossa sorte! Aleluia!
"Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração. Serei achado de vós, diz o Senhor, e farei mudar a vossa sorte (Jr 29.13-14)

7. Perseveravam em oração (Atos 1.14; 12.12)
      Todos, homens e mulheres, perseveravam em oração (At 1.14). Maria, mãe de Marcos reuniu os crentes para orarem por Pedro (At 12.12)

8. Temos um Deus pessoal, Deus que tem um projeto que me inclui (Ef 2.10)
"Pois somos feitura dele, criados em Cristo Jesus para boas obras, as quais Deus de antemão preparou para que andássemos nelas" (Ef 2.10). 

      Sabe qual a diferença entre feiura e feitura? A cruz de Cristo! 
      A feiura em feitura. Do grego, feitura significa poema

Você: poema de Deus - obra prima, linda, inédita, majestosa.

E então, você é feio ou feito por Deus?       
        Tive um colega que dizia: 'Tô feito mesmo!' As pessoas olhavam e ele continuava.... 'Feito bobo!'
        O pecado nos faz feios, sem graça, fedidos, desafinados... 'feito bobo'!
        Porém, Deus é um Pai zeloso para com os que são Seus filhos, lavados, regenerados na cruz pelo sangue de Jesus Cristo. 
         
      Assim, vamos anunciar, em todo tempo, o que temos visto e vivido, as boas novas de Salvação do nosso Deus Eterno!
SOLI DEO GLORIA!!!

Recomendo a leitura da meditação: http://destilardosfavos.blogspot.com.br/2013/01/a-feiura-em-feitura.html


sexta-feira, 13 de outubro de 2017

'Deus que se importa' - testemunho pessoal

        Dia 02 de fevereiro de 2014 (sábado). Estávamos nos programando pra comemorar, naquele dia, os nossos 29 anos de casados. Estávamos também preparando a nossa mudança de Ituverava (SP) para Uberlândia (MG).
        Logo cedo, Leomam foi coletar um enxame de abelhas no telhado de um prédio da Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária (FAFRAM), onde ele leciona a 28 anos.
         Para isto, subiu no telhado (5 metros de altura) onde sentiu uma vertigem. Acordou no hospital, sem mais lembranças, com 3 vértebras fraturadas. 
        Milagre extraordinário! Leomam poderia ter morrido ou ficado paralítico! Desfrutamos, nitidamente, do livramento do Senhor!

        Com dores intensas amainadas por remédios muito fortes, ficou mais de um mês num leito, imobilizado. Nossa filha Deborah cancelou sua ida para uma missão evangélica na Bolívia e revezava com seu irmão pra nos ajudar.

        Aprendemos na prática o significado do projeto de Deus, chamado igreja, família do Senhor. Muitas igrejas orando por nós. Pessoas que não sabiam o que tinham acontecido e leram alguma coisa a respeito no facebook ligavam, enviavam versículos e nos confortavam com suas orações e mensagens. Muitos vieram de longe para nos visitar. 

          Algumas situações nos emocionaram tremendamente.
          Uma delas: Dona Dalila, uma irmã em Cristo Jesus, uma senhora que trabalhou em nossa casa por muitos anos e, atualmente, reside em Curitiba (PR) nos ligou compartilhando que, ao orar por nós, começou a chorar sem entender o motivo e uma tristeza imensa invadiu seu coração. Imediatamente nos telefonou e, durante os cumprimentos de praxe, perguntou 3 vezes como eu estava. Então, compartilhei o que tinha acontecido. Fiquei muito comovida ao ver que Deus estava chamando Seus filhos para interceder por nós. Senti-me cuidada, tratada por Ele, como um filha. 


"Esperei confiantemente pelo Senhor; 
Ele se inclinou para mim e me ouviu quando clamei por socorro... 
Bem-aventurado o homem que põe no Senhor a sua confiança... 
São muitas, Senhor, Deus meu, as maravilhas que tens operado e também os Teus desígnios para conosco; ninguém há que se possa igualar conTigo. Eu quisera anunciá-los e deles falar, mas são mais do que se pode contar..." (Salmo 40).

'Obrigada Senhor por tão grande e inexplicável amor!  

Louvado seja o Seu nome, oh meu Deus, por se importar com minha vida. Louvado seja Deus pelo Seu projeto chamado igreja e pelo privilégio de pertencer a ela!'

terça-feira, 10 de outubro de 2017

'Mensagens para o 5o. Encontro de Casais'


Mensagens para o 5o. Encontro de Casais, em Caldas Novas (Go), promovido pelo Ministério de Casais da 6 IPB de Uberlândia  (MG) - oferecidas junto com os brindes.

EM VOLTA DA MESA* (Salmos 78, 128, 133)
(mensagem oferecida junto com bandeja para café da manhã)
       
        Em volta da mesa...
         Provamos da provisão do Pai,
         Contamos à geração vindoura
         o poder e as maravilhas de Deus
        
         Em volta da mesa...
         Praticamos o perdão,
         Restauramos relacionamentos,
         Modelamos caráter,   
         Demonstramos estima e encorajamos o outro,

         Em volta da mesa...
         Provamos da comunhão que é boa e agradável,
         E, onde há comunhão, Deus ordena Sua benção
         e a vida para sempre porque...

         Em volta da mesa...
         Celebramos o Pão da Vida e o Amor do Pai, em Cristo Jesus,
                  
        O que acontece em volta de sua mesa?
         Não importa o que está sobre a mesa (adornos, riquezas,      variedades) e quantos estão ao redor da mesa desde que a
         Presença transformadora de Deus esteja presente!
         Que ao redor de sua mesa reine a paz, o amor e a alegria da
         comunhão!

SEJAM TODOS BEM VINDOS E QUE DEUS NOS ABENÇOE!

Adaptado de: http://destilardosfavos.blogspot.com.br/2013/10/a-leveza-da-simplicidade.html
http://destilardosfavos.blogspot.com.br/2012/10/nao-quero-desperdicar-minha-vida.html



'Doçura: Lar & Doce Lar'**
(mensagem oferecida junto com pão de mel)
        A vida não é 'redondinha'. Muitas vezes ela é hostil e irregular.
        Podemos reagir a estas asperezas nos moldando e endurecendo ou então, endoçurando!' .
        Na prática, como 'endoçurar'?
        Como desfrutar um doce lar na sua inteireza?
        Que sob a ação renovadora do Espírito Santo, abramos as portas dos 'armários da nossa alma' com generosidade, expondo abraços, sorrisos, palavras amáveis, sempre buscando enxergar o melhor do outro.
        Lembrando sempre que quando praticamos a doçura, ela transforma o ambiente, constrói preciosas memórias, deixa a vida mais deleitosa e o nosso lar mais acolhedor.
       
        Adocem o seu paladar com o pão de mel e abram o coração para uma nova história que Deus tem preparado para sua vida, como casal.
        Não é por acaso que vocês estão aqui hoje. Que tal um longo e aconchegante abraço no seu parceiro de viagem, que é único na sua vida, e dizer o quanto ele é importante pra você?
Aprimore a arte de endoçurar...

"Palavras agradáveis são como favo de mel;
doces para a alma e medicina para o corpo" (Provérbios 16.24).

**Adaptado de: http://destilardosfavos.blogspot.com.br/2013/06/nem-tudo-e-redondinho.html


'Pausa: a alma do compasso' *
(mensagem oferecida com aparelho receptor de radiodifusão)

      A vida pode ser comparada a uma composição musical, a uma bela sinfonia que marca momentos e épocas, de modo inapagável.
        A vida e a música consistem de sons, movimentos e pausas. Pausas que nos levam a reflexão, que amadurecem o nosso interior e nos preparam para o que virá depois.
        Assim como as pausas são o 'fôlego' do compasso musical e trazem harmonia e significado à música, esperamos que este encontro seja uma pausa no seu cotidiano que sensibilize o seu coração e potencialize sua atenção para os próximos compassos.
        Que esta pausa torne o arranjo da música de suas vidas mais harmonioso, mais extraordinário.  Que os preparem para gozar das primícias que Deus sonhou para o seu lar.
        Nesta pausa, aprecie o seu cônjuge como nunca fez antes e faça destes dias um momento inesquecível. Ao sair daqui, que as pedras nos riachos não sejam vistas como obstáculos e sim como algo a ser enfrentado juntos e que tornará sua caminhada mais brilhante e sonora. Que possam pisá-las de mãos dadas, sem escorregar, deixando pegadas num só sentido e fazendo da música do riacho uma poesia de amor.

        "Que formosos são os teus passos... os meneios dos teus quadris. Eu sou do meu amado e ele tem saudades de mim"  (Cantares 7.1, 10)

*Adaptado de: http://destilardosfavos.blogspot.com.br/2012/11/pausas-alma-do-compasso.html

"É HORA DE VOLTAR & É HORA DE RECOMEÇAR"
(mensagem oferecida na despedida com foto do casal e toalhas de banho)

"Um homem percorre o mundo inteiro em busca daquilo
que precisa e volta para casa para encontrá-lo" (G. Moore)

         Por mais que sejamos vitoriosos na nossa vida (profissional ou financeira), a melhor vitória é termos uma 'LAR-EIRA aconchegante'  pra onde voltar e repousar, com boa companhia. 

        Ter um lar é saber que cada detalhe de nossa história (cada alegria, dor, sentimentos, vitórias e derrotas) é percebido, é valorizado, é testemunhado por alguém. É saber que somos únicos para o outro e o nosso lar pode ser um lugar incomparável.
        É desfrutar de uma parceria, é envelhecer juntos, caminhando rumo às Bodas de prata, ouro, diamante!
        No casamento há perdas, renúncias? Sim!
        Mas a alegria, a beleza e as realizações são inestimáveis.
        É hora de voltar para casa...
        Caminhem juntos (no físico e no coração), decididos a construírem uma nova história, com ajustes, com disposição de apoiar o outro e, se preciso, ajudá-lo a se levantar e a resistir as injúrias da vida (Eclesiastes 4.9-12).

Até 2018 e que Deus os abençoe nesta nova caminhada!
       
"Senhor, entregamos em Suas mãos a nossa habitação, nossa família, nossos dias. Ensina-nos a deixar a porta do nosso lar aberta à Sua Presença, em todo tempo. Ensina-nos a depender da Sua orientação em todas as circunstâncias, porque somente a Sua Presença nos satisfaz, somente ela nos traz delícias perpétuas, Palavras de esperança, de Vida Eterna.
No nome precioso e doce de Jesus, amém".

Adaptado de:http://destilardosfavos.blogspot.com.br/2017/02/32-anos-de-casados-bodas-de-pinho.html






sexta-feira, 29 de setembro de 2017

"Chega de abusar da família!" (Hernandes Dias Lopes)

       "O Museu de Artes Moderna de São Paulo nesta quinta e sexta-feira afrontou mais uma vez a família brasileira.
       Se não bastasse o que aconteceu em Porto Alegre, dias atrás, numa suposta exposição de arte do Banco Santander, onde se fez uma convocação às escolas públicas e particulares da cidade, para ver quadros e pinturas de nudismo, pedofilia, sexo grupal, sexo com animais bem como afronta blasfema à pessoa de Cristo, agora, em São Paulo, no MAM, a performance do artista Wagner Schwartz, mostra a interação de uma criança com o artista nu.
      
       Além dessa exposição afrontar a Constituição da República e o Estatuto da Criança e do Adolescente, afronta mais uma vez a família brasileira.


       Onde estão as autoridades? 
       Onde está a reação da família brasileira a esses desmandos? É hora de erguermos nossa voz contra essa cultura sodomizada que quer destruir os valores morais da nação e arruinar com a família". 

Hernandes Dias Lopes.

terça-feira, 12 de setembro de 2017

'Bélgica - Veneza do Norte"

          Com a minha irmã Carmen Silvia, tivemos a feliz oportunidade de conhecer a Bélgica (Europa Ocidental) e sua capital, Bruxelas, sede da OTAN.
        País com pequena área territorial (é possível atravessá-lo de carro em apenas 3 horas), grande densidade populacional e o maior número de castelos, por área.

        Na Bélgica pode-se ouvir, no dia a dia, 3 línguas: holandês (norte), francês (sul) e alemão (minoria). Há quem diga que ela expressa a disciplina alemã, o encanto francês e a liberalidade holandesa. Enfim, um país exuberante pela diversidade de seu povo e dos seus atrativos naturais (vales férteis, floresta encantadora e peculiar, planície costeira, lagos drenados em canais).

       País com um histórico comovente, marcado por muitas guerras e invasões, chegando a receber o apelido de 'campo de guerra da Europa'. A Bélgica foi o palco da grande derrota do imperador francês Napoleão, na famosa Batalha em Waterloo, no dia 18 de Junho de 1815.


        No entanto, destaca-se também pelo seu histórico de superação, demonstrando força e perseverança mesmo diante de tanta dor e adversidade. Os belgas destacam-se pela qualidade do seu trabalho e criatividade, em diferentes áreas: chocolate, cerveja, aço, diamantes e também nas histórias em quadrinhos: 'Aventuras de Tintin', 'Smurfs', 'Astérix e Obelix'.

         Apesar de não produzirem uma amêndoa de cacau, sua produção de chocolate é extraordinária tanto pela quantidade (mais de 200 mil toneladas/ano) e qualidade de suas receitas e design (diferentes marcas famosas no mercado). Particularmente me apaixonei pela marca Godiva que impregnou minha boca e a minha memória com sabor indescritível.

        Em Bruxelas visitamos o Palácio Real, Parlamento, Catedral São Miguel (estilo gótico) e o Atomium, construído em 1958. 
          O Atomium, situado no Parque Heysel, possui 103 metros de altura e é considerado a torre Eiffel de Bruxelas.  Representa um cristal elementar do ferro ampliado milhões de vezes, com tubos formando 8 vértices. As esferas, ligadas por tubos com escadas possuem janelas de onde se pode divisar a cidade.
        De Bruxelas fomos para Gante onde passeamos no centro antigo medieval e em algumas lojas. Numa delas, cai num degrau (mal posicionado). Esta queda rompeu os tendões do meu ombro, motivo de noites difíceis com dores imensas que perduraram muito após o meu regresso para o Brasil. Felizmente, de dia conseguia sobreviver.
          De Gante fomos para Bruges com sua igreja com duas torres, uma delas inacabada, túnel sob rio que facilita a passagem dos navios. Cidade lindíssima, com inúmeros canais, lembrando a cidade de Veneza na Itália e por isso é conhecida como 'Veneza do Norte'. Nas margens dos canais existem muitas peculiaridades como ruínas e moinhos. 
           Em Bruges, além de lagos (Lago do Amor), igrejas e praças (Mayor e Atalaia), fizemos um inesquecível passeio de barco pelos seus canais.

          Estivemos na Grand-Place (Grote Markt), que nos encantou pela sua arquitetura, tendo sido considerada, por muitos, como a praça mais bela do mundo. Localizada no centro da cidade e com 1 hectare de área abriga muitos monumentos e tem sido muito usada para concertos e comemorações. Local histórico, foi reconstruída após o severo bombardeamento sofrido em 1695. Ficamos algumas horas nesta praça e quando a noite chegou, foi fascinante admirar a iluminação colorida dos seus prédios, que mudavam numa proposta muito interessante.     
          
          Saimos depois para Antuérpia, segundo maior porto da Europa (margens do Rio Escalda), com o mercado de diamantes mais importante do mundo. Acredita-se que seja responsável pela negociação de 80% dos diamantes brutos e 50% dos lapidados, de todo mundo. Pudemos apreciar a lapidação de diamantes e também a Praça Mayor, casas históricas, igrejas, construções medievais, jardins, museus.
        Na Bélgica tomei a melhor sopa de toda minha vida: de mexilhões. Deixou muitas saudades... Ficou o gostinho de 'quero mais'.
         Sonho em voltar pra provar esta sopa de novo e apreciar com mais tempo seus canais, praças, povo.

          Deus abençoe os belgas, que continuem levando sabor ao mundo e ensinando que não importa o tamanho da área territorial e sim o uso que se faz dela.





          

terça-feira, 22 de agosto de 2017

'Entre no barro e pisa a massa'

        Buscando uma terrinha pra comprar, meu marido e eu visitamos um sítio bem abandonado. A esposa do caseiro nos disse: “Ah, faz cinco anos que este sítio está à venda. Não dá pra fazer uma horta, nem plantar nada porque estamos sempre esperando ir embora”. 
        Lamentável... Se estes caseiros fizessem uma horta, um pomar, arrumassem o sítio incluindo a casa em que moravam, poderiam não só ter contribuído para a sua venda como também seriam disputados para morarem e trabalharem, em melhores condições.
“Quem fica observando o vento não plantará e
quem olha as nuvens nunca colherá” (Ec 11.4)
        Tenho aprendido que mesmo que os tempos não sejam propícios e que não haja esperança que eu aproveite os frutos, devo semear com generosidade, em todo tempo e em todo lugar O generoso é abençoado com livramento, proteção, alegria, conforto nas adversidades (Salmo 41.1-3).

        Um coração submisso a Deus é generoso, tem sonhos sintonizados com o d’Ele. Deus tem uma aliança de ser o nosso sócio nos investimentos que Ele mesmo projetou. Não projetos medíocres, imediatistas, mas algo que terá o sentido de eternidade.
        Deus tremendo, que faz de nós canais de bênçãos e não reservatórios.

      Conta-se que certo dia, Livingstone, médico inglês, missionário na África recebeu uma carta da Inglaterra perguntando sobre a qualidade das estradas da África porque intencionavam enviar pastores. Livingstone respondeu que pastores que necessitavam de estradas abertas para pregar o evangelho eram totalmente dispensáveis.
     Impactante!  'Tenho esperado estradas, portas serem abertas? Tenho sido abatida por pequenos obstáculos? Tenho sido serva dispensável? Inútil?'

        Se eu quero construir algo novo, preciso me esforçar, não ficar de braços cruzados (Ageu 2.3).
        Nas mãos do Deus Altíssimo os recursos mais simples, as iniciativas mais humildes tem desdobramentos extraordinários, eternos.
O que precisa ser mudado?
        É preciso pagar o preço pelo nosso lar, pelos nossos relacionamentos, pelo Reino de Deus. 
        Deus sempre estará nos surpreendendo, fazendo com que do novo campo lavrado, mesmo em tempos desfavoráveis, sementes se multipliquem profusamente, com qualidade muito superior aos nossos mais ousados sonhos.

~~~~~~~~~~~~~~~~

        E, finalmente, segue um texto lindo do pastor Magno V. Paterline sobre o recado do profeta Naum (650 A.C):
“Tira água para o tempo do cerco, fortifica as tuas fortalezas, entra no barro e pisa a massa, toma a forma para os ladrilhos.” (Na. 3:14)
        "Em outras palavras: Acabe com o luxo, com o nariz empinado, com o medo de sujar as mãos, os pés e a roupa.        Entre no barro e pise a massa. Coloque-se na posição de servo; coloque-se ao lado dos outros na obra de Deus; Não se omita. Não se desculpe. Entregue-se ao trabalho, ao suor, à luta pela causa nobre do Evangelho de Jesus Cristo!
        Chega de marasmo, chega de hesitação, chega de teoria, chega de contemplação duvidosa e longa demais. Saia da cama, saia do comodismo, saia de casa. Desça o monte, venha para o vale, caia na real. 

Entre no barro e pise a massa!
        Você já ouviu a Palavra, você já conhece o Evangelho, você já se viu no espelho. Agora é preciso crer, é preciso obedecer, é preciso renunciar a vontade da carne, é preciso testemunhar. Vamos, entre no barro e pise a massa!
        Você já orou, você já esperou, você já planejou. Agora é o momento de sujar as mãos no barro e fabricar tijolos para construir fortalezas contra o vício, contra o pecado, contra o emaranhamento da sua dúvida. Agora é hora de curar os enfermos, de vestir os desnudos, de dar de beber aos sedentos, de dar de comer aos famintos, de visitar os presos, de hospedar os forasteiros, de proclamar libertação e anunciar as Boas novas do Reino.
        Você ainda vai continuar esperando o quê? 
Entre no barro e pise a massa!"

 

sábado, 19 de agosto de 2017

'Se... faz toda diferença'

         Dois anos após Rudyard Kipling (1865-1936) ter ganhado o Prêmio Nobel de literatura (em 1907), escreveu o seguinte poema para seu filho, John, na época com 12 anos. John veio a falecer aos 18 anos, durante a Primeira Guerra Mundial:


Diante de tantos desajustes e corrupção no Brasil, 
vale lembrar que...
"SE" (Rudyard Kipling, 1909; tradução de Guilherme de Almeida)


"Se és capaz de manter a tua calma quando 
Todo o mundo ao teu redor já a perdeu e te culpa; 
De crer em ti quando estão todos duvidando, 
E para esses no entanto achar uma desculpa;
Se és capaz de esperar sem te desesperares,
Ou, enganado, não mentir ao mentiroso,
Ou, sendo odiado, sempre ao ódio te esquivares,
E não parecer bom demais, nem pretensioso;

Se és capaz de pensar -- sem que a isso só te atires,
De sonhar -- sem fazer dos sonhos teus senhores.
Se encontrando a desgraça e o triunfo conseguires
Tratar da mesma forma a esses dois impostores;
Se és capaz de sofrer a dor de ver mudadas
Em armadilhas as verdades que disseste,
E as coisas, por que deste a vida, estraçalhadas,
E refazê-las com o bem pouco que te reste;

Se és capaz de arriscar numa única parada
Tudo quanto ganhaste em toda a tua vida,
E perder e, ao perder, sem nunca dizer nada,
Resignado, tornar ao ponto de partida;
De forçar coração, nervos, músculos, tudo
A dar seja o que for que neles ainda existe,
E a persistir assim quando, exaustos, contudo,
Resta a vontade em ti que ainda ordena: "Persiste!";

Se és capaz de, entre a plebe, não te corromperes
E, entre reis, não perder a naturalidade,
E de amigos, quer bons, quer maus, te defenderes,
Se a todos podes ser de alguma utilidade,
E se és capaz de dar, segundo por segundo,
Ao minuto fatal todo o valor e brilho,
Tua é a terra com tudo o que existe no mundo
E o que mais -- tu serás um homem, ó meu filho!"

          Que possamos manter a calma e, especialmente a fé naqu'Ele que tudo pode e nenhum dos Seus planos pode ser frustrado (Jó 42.2).

"... autoridades exigem dinheiro por fora, e juízes recebem presentes para torcer a justiça... todos planejam fazer coisas más... 
Mas está chegando o dia em que Deus vai castigá-los... 
Naquele dia, haverá confusão geral...
Eu, porém, ponho a minha esperança em Deus, o Senhor, e confio firmemente que Ele me salvará. 
O meu Deus me atenderá" 
(Miqueias 7.1-7). ALELUIA!!!